Posts com Tag ‘humilhação’

OS HUMILHADOS SERÃO EXALTADOS

Publicado: 03/09/2012 por Rubem Cruz em Orgulho
Tags:,

Olá pessoal, ontem teve uma ministração de teatro do grupo Jeová Nissi na minha cidade e eu fui. A peça se chama “O Fantasma de Naamã” e ela contextualizava a história de Naamã dentro de um cenário de um circo que estava falindo por causa de alguns erros de seu administrador. Mas o  que me chamou muita atenção foi justamente como a história de Naamã pode servir de exemplo para todos nós e é sobre ela que eu vou falar hoje com vocês.

Primeiramente, vou localizar esta narrativa na Bíblia, ela está em II Reis 5. Neste capítulo, podemos observar que Naamã era um comandante do exército do rei da Síria e era muito respeitado, pois já havia concedido vitórias à Síria, porém ele sofria com uma doença que o deixava debilitado, que era a lepra.

Em um certo dia, uma serva israelita da mulher de Naamã falou que em Samaria havia um profeta que poderia curá-lo. Logo, Naamã pediu permissão ao rei da Síria e foi ao encontro deste profeta com muitas recompensas, que seriam entregues caso este o curasse.

Chegando em Samaria, ela procurou o profeta Eliseu, que pediu a um ajudante seu que recebesse Naamã e lhe desse esta mensagem: “Vá ao rio Jordão e mergulhe ali sete vezes. Sua pele será curada e renovada.”.

Naamã se irritou com a mensagem e inicialmente não quis atendê-la, pois sabia que em sua cidade haviam rios muito mais limpos que o rio Jordão. Mas logo foi convencido pelos seus ajudantes a mergulhar e assim que o fez, ficou curado.

Ele então retornou para agradecer o profeta e lhe dar os presentes, mas Elieseu se negou a recebê-los. Naamã também reconheceu o Deus de Israel como seu único deus.

Bem, esta é a história e podemos tirar algumas conclusões dela que podem nos ensinar muito.

Uma delas é que Naamã deveria ser um comandante orgulhoso, cheio de altivez, portanto não aceitava a humilhação que a lepra o trazia e nem aceitava ser humilhado pelas pessoas ou situações.

Outra conclusão é que ele teve que quebrar seu orgulho para ser curado, já que para se banhar no rio ele deveria tirar as suas vestes e mostrar as suas feridas, se humilhando publicamente, já que esta era uma das doenças mais repugnantes da sua época.

E, por último, podemos perceber que Deus sempre estará conosco, basta para isso estarmos dispostos a deixarmos o nosso eu e seguí-Lo.

Mas ai você me pergunta: “E o que isso tem haver comigo? Eu não tenho lepra e nem estou doente.”. É justamente neste ponto em que nós nos inserimos, a lepra foi um exemplo de uma coisa que o afligia e fazia com que ele perdesse a sua essência, já que esta doença o transfigurava, deixando o seu corpo cheio de feridas.

Assim também é o pecado, ele destrói a nossa essência e nos corrompe, porém muitas vezes não nos humilhamos e entregamos ele nas mãos de Deus, deixando que o Espírito Santo nos molde e nos aperfeiçoe.

Muitas vezes somos arrogantes, prepotentes, mentirosos, invejosos, temos ira, rancor, e tantos outros pecados que cada vez mais nos afastam de Deus, mas não conseguimos nos humilhar na presença de Deus e pedir que Ele nos mude.

           Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça. Isaías 59:2

E hoje eu quero te desafiar, assim como me desafiar, a nos humilharmos diante de Deus e permitirmos que Ele nos cure e nos liberte. Quero convidar você a se quebrantar e mergulhar neste rio de águas vivas.

 Porquanto qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele que a si mesmo se humilhar será exaltado. Lucas 14:11

Que Deus te abençoe!

Bruna Gonçalves

Anúncios

QUAL O SEU PONTO FRACO?

Publicado: 02/08/2012 por Rubem Cruz em Seguindo
Tags:,

Olá galerinha abençoada!

Hoje eu venho falar de Pedro.

O homem que foi um líder reconhecido entre os discípulos de Jesus, que estava entre os três mais próximos do mestre, porém durante o julgamento de Jesus, negou três vezes que o conhecia!

E fica a pergunta… “O que levou Pedro a negar ao Senhor?”

O primeiro ponto foi o excesso de confiança em si mesmo.

Veja:

Mas Pedro, respondendo, disse-lhe: Ainda que todos se escandalizem de ti, eu nunca me escandalizarei.

 Disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que esta noite, antes que o galo cante três vezes me negarás.

Respondeu-lhe Pedro: Ainda que me seja necessário morrer contigo, de modo algum te negarei. E o mesmo disseram todos os discípulos.

(Mateus 26: 33-35)

 

Pedro mostrou autoconfiança e mesmo depois de Jesus ter dito que ele o negaria, Pedro continuou com a sua autoconfiança.

O segundo ponto foi o fato de Pedro não orar.

 

Veja:

Quando se levantou da oração e voltou aos discípulos, encontrou-os dormindo, dominados pela tristeza.

(Lucas 22: 45)

Jesus determinou expressamente que ele orasse. Porém Pedro dormiu.

O terceiro ponto foi que Pedro seguiu Jesus a distancia.

Veja:

Então, prendendo-o, levaram-no para a casa do sumo sacerdote. Pedro os seguia à distância.

(Lucas 22: 54)

Pedro naquele momento não agiu como um verdadeiro cristão.

E logo depois Pedro nega ao seu Senhor Jesus Cristo três vezes.

Veja:

Ora, Pedro estava sentado fora, no pátio; e aproximou-se dele uma criada, que disse: Tu também estavas com Jesus, o Galileu. Mas ele negou diante de todos, dizendo: Não sei o que dizes. E saindo ele para o vestíbulo, outra criada o viu, e disse aos que ali estavam: Este também estava com Jesus, o nazareno. E ele negou outra vez, e com juramento: Não conheço tal homem. E daí a pouco, aproximando-se os que ali estavam, disseram a Pedro: Certamente tu também és um deles, pois a tua fala te denuncia. Então começou ele a praguejar e a jurar, dizendo: Não conheço esse homem. E imediatamente o galo cantou. E Pedro lembrou-se do que dissera Jesus: Antes que o galo cante, três vezes me negarás. E, saindo dali, chorou amargamente.

(Mateus 26: 69-74)

 

Pedro negou de três modos diferentes.

Primeiro, ele agiu de modo confuso e tentou desviar a atenção de sua pessoa, mudando de assunto.

Segundo, jurou que não conhecia Jesus.

E finalmente praguejou e diante de todos, jurou não conhecer Jesus.

Mas no fim, Pedro chorou amargamente não só porque percebeu que havia negado seu Senhor, o Messias, mas também porque foi afastado de um amigo muito querido, uma pessoa que o amou e o ensinou por três anos.

Pedro aprendeu muitas coisas que o ajudariam mais tarde ao assumir a liderança da jovem igreja!

Nós precisamos estar cientes dos nossos pontos fracos, para reconhecermos que somos dependentes de Deus.

Que Deus nos abençoe!!! =D

 Jonhny Carvalho

QUEM SE HUMILHA É ABENÇOADO!

Publicado: 08/03/2012 por Rubem Cruz em Orgulho
Tags:, ,

Oi galera abençoada! É um grande prazer poder compartilhar a palavra de Deus com vocês! Vamos para o post.

 E falou o SENHOR a Manassés e ao seu povo, porém não deram ouvidos.
Assim o SENHOR trouxe sobre eles os capitães do exército do rei da Assíria, os quais prenderam a Manassés com ganchos e, amarrando-o com cadeias, o levaram para babilônia.
E ele, angustiado, orou deveras ao SENHOR seu Deus, e humilhou-se muito perante o Deus de seus pais;
E fez-lhe oração, e Deus se aplacou para com ele, e ouviu a sua súplica, e tornou a trazê-lo a Jerusalém, ao seu reino. Então conheceu Manassés que o SENHOR era Deus.
2 Crônicas 33:10-13

Lendo sobre as maldades que Manassés cometeu e induziu o povo a cometer (ele adorou ídolos,sacrificou seus filhos e profanou o templo),o sentimento que espontaneamente brota de nós é um só “CASO PERDIDO”,no entanto,como o próprio Deus disse que os seus pensamentos não são os nossos pensamentos,e os seus caminhos não são os nossos (Is 55.8),percebemos na historia de Manassés que ocorreu algo que se para nos não significa muito,para Deus pode modificar tudo.

Manassés foi amarrado e levado preso com ganchos para babilônia. Em meio a sua aflição,ele angustiado SUPLICOU E MUITO SE HUMILHOU PERANTE O SENHOR ,nosso Deus,que não resiste ao genuíno arrependimento,tornou-se favorável a ele,e o trouxe de volta ao seu reino em Jerusalém e Manassés reconheceu que o Senhor é Deus!  Segundo o nosso pensamento,um rei assim tão maligno deveria ter sido castigado de modo muito mais severo e imediatamente. Mas por que Deus não agiu assim? PORQUE MANASSÉS SE HUMILHOU DIANTE DE DEUS!

Amados irmãos, para que continuarmos a nos justificar,a nos julgar certos?  O maior problema que o ser humano tem é o orgulho que corre em suas veias. Será que precisamos do castigo de Deus para sermos iluminados e abandonar todas as justificativas?   Por que não se humilhar logo?  Ezequias humilhou-se assim que sentiu a soberba em seu coração, e Deus o agraciou.

Ezequias, porém, se humilhou pela exaltação do seu coração, ele e os habitantes de Jerusalém; e a grande ira do SENHOR não veio sobre eles, nos dias de Ezequias.
E teve Ezequias riquezas e glória em grande abundância; proveu-se de tesouraria para prata, ouro, pedras preciosas, especiarias, escudos, e toda a espécie de objetos desejáveis.
Também de armazéns para a colheita do trigo, e do vinho, e do azeite; e de estrebarias para toda a espécie de animais e de currais para os rebanhos.
Edificou também cidades, e possuiu ovelhas e vacas em abundância; porque Deus lhe tinha dado muitíssimas possessões.
Também o mesmo Ezequias tapou o manancial superior das águas de Giom, e as fez correr por baixo para o ocidente da cidade de Davi; porque Ezequias prosperou em todas as suas obras.
2 Crônicas 32:26-30

Manassés precisou ser acorrentado e levado para a babilônia para depois se humilhar. Quais das duas experiências escolhemos?

Se tivermos sabedoria,o melhor é nos arrependermos e confessarmos o erro o quanto antes, quanto mais cedo nos humilharmos,melhor para nós. Com Deus há vida,portanto o caminho é obedecer à palavra de Deus,a qual declara a vontade Dele. Não precisamos esperar que a aflição venha sobre nos para então nos arrependermos. LEMBRE-SE: Quanto mais cedo nos humilharmos diante de Deus,mais cedo receberemos a sua Graça!

Que Deus nos abencoe!  =D

Jonhny Carvalho

https://www.facebook.com/profile.php?id=100002386953597